OLIVER VILLADSEN

2023 pode muito bem ser um ano de sonho para o FC Nordsjælland. Campeões em 2011/12, o emblema de Farum ganhou uma nova dimensão quando, em 2015, Tom Vernom e a sua academia Right to Dream se tornaram proprietários do clube tornando-o desde então num dos projetos de referência do futebol europeu. A entrada do grupo Mansour no clube, em 2021, deu-lhe uma pujança ainda maior e depois de algumas dúvidas relativas à verdadeira ambição desportiva dos Tigres ei-los a lutar ferozmente pelo título. A saída de Andreas Schjelderup pode até ser um golpe duro nas ambições do FCN, mas o emblema até aqui às ordens de Flemming Pedersen vai muito além do agora jogador do Benfica. Oliver Villadsen é uma das suas peças chave.

Lateral de grande propensão ofensiva, Oliver Villadsen é um dos principais desequilibradores da Superligaen e, por consequência, um dos jogadores fulcrais para o sucesso do Nordsjælland. A profundidade que oferece ao flanco, o desequilíbrio que consegue no último terço e a capacidade que tem para se envolver no processo ofensivo da equipa de Farum impressionam. Em Villadsen, mais do que um lateral, o Nordsjælland tem um segundo extremo e a sintonia que tem com Mads Hansen é especial permitindo ao antigo Midtjylland procurar o espaço central que tanto gosta ao mesmo tempo que oferece largura, tão importante para desposicionar o bloco defensivo adversário. Chave do sucesso dos Tigres esta temporada passa muito por aqui depois de meses a jogar como ala tendo o corredor apenas para si.

As fragilidades defensivas de Oliver Villadsen talvez saíssem protegidas noutro esquema, mas a verdade é que foi a jogar num esquema de quatro defensores que o clube passou a lutar pelo título e nem por isso o lateral de 21 anos deixou de ser decisivo. Incrivelmente veloz e com um último passe venenoso, Villadsen envolve-se no processo ofensivo como poucos laterais são capazes. O atleticismo ajuda, mas é a perceção dos espaços a atacar e a facilidade com que surge em zonas de finalização que o tornam diferencial. As três assistências conseguidas até agora não explanam toda a capacidade ofensiva de Villadsen que está entre os jogadores da Superliga com a melhor percentagem de eficácia no cruzamento, com mais ações concretizadas no último terço, com mais acelerações e corridas progressivas registadas e, apesar de tudo, entre os laterais com mais assistências na competição.

Internacional jovem por todos os escalões da seleção dinamarquesa, Oliver Villadsen é a par de Rasmus Carstensen a grande promessa para a lateral/ala direita da dinamite dinamarquesa a longo prazo. Com apenas 21 anos leva já praticamente uma centena de jogos pela equipa principal do Nordsjælland fruto de praticamente três temporadas ao mais alto nível. Hoje, aos 21 anos, é um dos jogadores mais entusiasmantes da Superliga dinamarquesa e, acima de tudo, um dos melhores laterais da competição. Ofensivamente será seguramente um dos jovens laterais mais decisivos do futebol europeu da atualidade.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *